Quinta, 23 de Setembro de 2021
33°

Poucas nuvens

Teixeira - PB

Cultura Aldir Blanc

Publicado cinco editais da 2ª fase da Lei Aldir Blanc na Paraíba e inscrições já começam neste sábado

Pelo menos 2 mil artistas e técnicos deverão ser beneficiados.

11/09/2021 às 08h48
Por: Vitinho Galdino Fonte: Click PB
Compartilhe:
Cinco editais da Lei Aldir Blanc são publicados no Diário Oficial do Estado. (Foto: Reprodução)
Cinco editais da Lei Aldir Blanc são publicados no Diário Oficial do Estado. (Foto: Reprodução)

Foi publicado, no Diário Oficial do Estado (DOE), deste sábado (11), os editais da segunda fase da Lei Aldir Blanc na Paraíba.As inscrições já começam hoje e ocorrerão, por meio da internet, até o dia 10 de outubro. Ao todo, deverão ser beneficiados 2 mil artistas e técnicos de diversas expressões culturais.

O investimento total chegará a R$ 16,6 milhões, valor remanescentes da primeira fase da Lei de Emergência Cultural, criada em 2020, pelo Governo Federal. Além dos editais, a Lei Aldir Blanc ainda abriu o Cadastro Cultural, destinado ao pagamento de um auxílio mensal aos trabalhadores do setor da cultura do Estado em cinco parcelas de R$ 600.

De acordo com a publicação, que o ClickPB teve acesso, no Edital Corrinha Mendes (credenciamento) consta que serão distribuídos R$ 2,76 milhões. Ao todo, serão pagos cachês variando de R$ 2 mil a R$ 9 mil, de acordo com a escolha dentre três categorias e nove subcategorias. Estima-se 560 propostas culturais e artísticas, nos mais variadas modalidade teatro, dança, seminário e grafite, que deverão ser realizadas e exibidas no modelo digital. 

Já no Edital Hermano José (premiação), o investimento será de R$ 4 milhões para seleção e premiação de 730 obras físicas de Artesanato, Habilidades Manuais, Artes Visuais, Fotografia e Literatura (livros e cordéis). Duas categorias de projetos com valores de R$ 5 mil e R$ 10 mil.

O edital Parrá (premiação) serão investidos R$ 4,41 milhões para 193 projetos culturais em fase inicial, de continuidade, e em fase de finalização executados por artistas independentes como músicos, grafiteiros, fotógrafos, bailarinos (as), produtores audiovisuais, entre outros. Os projetos serão divididos em três categorias, com valores de R$ 10 mil, R$ 30 mil e R$ 50 mil.

Enquanto o edital Mãe Maria do Peixe (premiação), destinado às artes cênicas, música, circo , festejos juninos e carnavlescos, por exemplo, serão destinados R$ 3,98 milhões para 116 vídeo-biografias apresentadas por iniciativas coletivas. Consta na publicação a seleção de projetos em duas categorias, com valores de R$ 25 mil e R$ 55 mil.

Por último, o edital Wills Leal (premiação), que irá beneficiar artistas solos e técnicos. Nele serão investidos R$ 1,5 milhão para 300 videobiografias individuais para fins de composição do Acervo da Cultura Paraibana – Memorial da Pandemia. Cada projeto será beneficiado com o valor de R$ 5 mil.

Confira a publicação aqui 

Click PB

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Teixeira - PB Atualizado às 12h06 - Fonte: ClimaTempo
33°
Poucas nuvens

Mín. 16° Máx. 33°

Sex 31°C 17°C
Sáb 31°C 16°C
Dom 31°C 16°C
Seg 31°C 17°C
Ter 33°C 20°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias